quinta-feira, 2 de março de 2017

acordo judicial entre a PLATEIA e a Câmara Municipal do Porto

Ao fim de dez anos de litígio judicial, a PLATEIA e a Câmara Municipal do Porto chegaram a um acordo para colocar fim ao processo que ainda corria nos tribunais administrativos.

Recordamos que esta situação reporta às diversas ações (e respetivas providências cautelares) que a PLATEIA moveu contra a autarquia, opondo-se sistematicamente aos diversos formatos que assumiu a cedência do Rivoli Teatro Municipal ao empresário Filipe La Féria.

A via judicial tinha também um profundo sentido político, o da oposição frontal ao abandono de um programa de serviço público associado ao teatro municipal. Por isso, com a mudança de executivo municipal, a ação judicial perdeu tanto o seu efeito útil como o seu contexto político.

A PLATEIA saúda a normalização das relações com a autarquia e agradece, reconhecida, a todas os profissionais e companhias de teatro e dança que apoiaram e suportaram os custos destes processos judiciais, desenvolvidos em nome de uma ideia de cidade.

Há dez anos ocupávamos a Praça D. João I e gritávamos RIVOLIÇÃO!
2017 não é o fim da História. Não devemos esquecer.


Sem comentários:

Enviar um comentário